Blogdopa | PCDF: Dois médicos são investigados por vender atestados falsos

0
80

Operação foi deflagrada esta semana e as investigações ainda estão em curso. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão no DF.

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) por meio da Delegacia de Repressão à Corrupção (DRCOR/DECOR) deflagrou uma operação para investigar um grupo criminoso composto por, pelo menos, dois médicos que, supostamente, vendiam atestados médicos com informações falsas. A operação foi realizada na tarde de quarta-feira (25/5).

De acordo com a polícia, o grupo utilizava da estrutura física de uma associação para comercializar os atestados.

Os documentos eram adquiridos  por empregados que queriam, falsamente, justificar o afastamento dos respectivos trabalhos, bem como conseguir indevidamente diversos benefícios, como a isenção de tarifas em transportes públicos interestaduais.

As investigações apontam que, na mesma associação, também seriam ofertados serviços de advocacia para que os clientes conseguissem obter judicialmente a aposentadoria junto ao INSS, utilizando os laudos médicos falsos fornecidos pelo grupo.

Chamada de Operação Esculápio, a ação teve início após a PCDF receber uma denúncia. Durante a investigação, segundo a polícia, foram colhidos diversos elementos que indicam que os investigados se organizaram para cometer as fraudes.

Nesta quarta, foram cumpridos três mandados de busca e apreensão, em diversas regiões do DF.

Os principais alvos são os dois médicos e uma pessoa que secretariava o trabalho destes.

Se condenados, os investigados podem responder pelos crimes de associação criminosa, falsidade de atestado médico, fraude processual.

As investigações continuam em curso a fim de chegar aos pacientes que se beneficiavam dos atestados e outros médicos que praticam conduta similar.

A Operação Esculápio foi batizada de Escapulário em razão do o nome, atribuído ao Deus da medicina na mitologia grega.

Blogdopa e os previlegios da PCDF.