Blogdopa | Almoço em Itapoã resgatou cultura regional do Cerrado

0
176

Além da refeição preparada pelo chef Francisco Ansiliero, evento teve diversas atividades organizadas pela Sejus.
A comida do Restaurante Comunitário do Itapoã estava com um sabor diferente neste sábado (18), graças à solidariedade do chef de cozinha Francisco Ansiliero, um dos voluntários da ação Nosso Natal promovida pelo Governo do Distrito Federal (GDF), com a mobilização de diversos órgãos públicos. O local estava preparado para servir 4 mil refeições a R$ 1.
O cardápio preparado para o almoço de Natal foi pernil ao molho de abacaxi e coxa e sobrecoxa de frango assadas ao molho de limão e ervas, farofa natalina, arroz, feijão e salada. Para beber, suco de abacaxi com hortelã e a sobremesa foi manjar de coco com calda de ameixa.
“Toda comemoração tem que ter um tempero especial. Honestamente ficou muito bom”, avalia o chef proprietário de um dos restaurantes mais tradicionais de Brasília, o Dom Francisco. “Nós seguimos a sugestão proposta pelo evento e o cardápio acertou em cheio. Foi um menu gostoso, gratificante e que resgata a cultura regional do cerrado.”
“Foi um momento de confraternização com a população e de celebração deste ano que, apesar das dificuldades, foi cheio de realizações. Renovamos as esperanças para 2022”
Acostumado a fazer suas refeições no restaurante comunitário, o transportador Luciano Lopes sentiu a diferença no sabor da comida. “Estava muito bom. A população do Itapoã agradece ao chef por ter preparado uma culinária tão diferenciada. Essa ação ajuda a dar um ânimo e uma alegria para o próximo ano”, diz Luciano, acompanhado das filhas e da esposa.
Enquanto o chef comandava a cozinha, a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) e a Casa Civil, responsáveis pelo evento no Itapoã, organizaram diversas atividades na área externa para garantir a diversão de quem foi almoçar no restaurante comunitário.
A programação contou com as tradicionais cantatas de Natal, pintura de rosto, oficina de balão, pedal kart e a apresentação de palhaços e mágico, em parceria com o Sesc-DF e voluntários. No evento, também foram distribuídos algodão doce e pipoca. A população teve a oportunidade ainda de cortar o cabelo de graça e tomar a vacina contra a covid-19.
“Foi um momento de confraternização com a população e de celebração deste ano que, apesar das dificuldades, foi cheio de realizações. Renovamos as esperanças para 2022”, celebra a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani.
Para o administrador regional, Marcus Cotrim, é uma “iniciativa fantástica” e que traz muitos benefícios aos moradores. “A nossa comunidade fica muito feliz e se agita quanto acontece esse tipo de evento, que trouxe uma comida deliciosa, muito amor e alegria”, acrescenta.

Coordenado pela primeira-dama e secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha, o evento está em sua terceira edição e envolve 15 chefs de cozinha. “Essa ação representa a união de esforços dos órgãos do Governo do Distrito Federal em prol da população mais vulnerável”, comenta o secretário executivo da Casa Civil, Cristiano Lopes da Cunha.
Nas edições anteriores, o Nosso Natal vendeu 77 mil refeições – 46 mil em 2019 e 31 mil em 2020. Além de um almoço especial, a iniciativa leva para cada região atividades recreativas, organizadas pelas secretarias do DF e autarquias.

Blogdopa o jornalismo verdade.