Blogdopa | Comércio, saúde, construção. Veja 10 áreas que mais empregaram em 2021

0
98

Com melhora da pandemia, 64 mil novos postos de trabalho foram criados no Distrito Federal nos últimos 12 meses.

Com o avanço da vacinação contra a Covid-19 e a retomada gradual da economia, 64 mil novos postos de trabalho foram criados no Distrito Federal nos últimos 12 meses.

De acordo com a Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED-DF), da Companhia de Planejamento do DF (Codeplan), o número de vagas foi superior ao acréscimo da população economicamente ativa na capital, resultando na entrada de 42 mil pessoas no mercado de trabalho.

Conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, as áreas que mais geraram empregos formais no DF entre janeiro e novembro deste ano foram comércio e reparação de veículos. O saldo acumulado é de 11.552 postos nesses dois setores.

Em segundo lugar, aparecem os setores de saúde humana e serviços sociais, que, juntos, geraram 9.570 postos.

A construção foi a terceira que mais gerou oportunidades na capital do país, com 8.756 postos preenchidos.

Veja, abaixo, o saldo acumulado de empregos formais entre janeiro e novembro de 2021, no DF:

Desemprego em queda

Além disso, a taxa de desemprego no Distrito Federal tem registrado queda. Segundo a PED-DF, o índice passou de 17,8% para 16,1%, entre novembro de 2020 e de 2021.

“A ocupação voltou a crescer no mercado de trabalho do DF, gerando 12 mil oportunidades de emprego em relação a outubro, o que foi determinante para reduzir a taxa de desemprego para 16,1% da população economicamente ativa regional”, explicou a economista do Dieese, Lúcia Garcia.

“Acreditamos que a vacinação é uma das principais responsáveis pelo crescimento do número de empregados, posto que proporcionou a retomada de boa parte do setor de serviços, principal segmento da economia do DF”, avaliou o presidente da Codeplan, Jean Lima.

Blogdopa e os previlegios da CODEPLAN.